Libere sua Essência

A dança tem muito com a ver com

COMO EU ME SINTO

A execução do mesmo movimento nunca será igual entre duas pessoas, pois a fluidez desse mesmo movimento tem a ver

DO QUE CARREGO NELE,
DE DENTRO PRA FORA,

DE COMO ME SINTO.

Se me sinto SEGURA, mostrarei PROPRIEDADE no meu movimento.
Se me sinto LINDA, essa beleza certamente se EXTERIORIZARÁ no meu movimento.

Se me sinto PODEROSA, certamente as pessoas verão PODER no meu movimento, na minha pose, portanto não tem a ver com o movimento, tem a ver em como me vejo, como me sinto, como me enxergo, como me aceito, tem a ver comigo.

Antes de começar a escrever sobre dança e sensualidade/autoestima perguntei a uma pessoa sobre o que ela gostaria que eu escrevesse. Ela respondeu:

“quero saber como fazer pra liberar isso de dentro da gente!!
Você pode escrever de que forma a dança pode ajudar nisso.”

Eu achei fantástico o que ela escreveu!

É realmente isso, liberar de dentro da gente, está dentro de nós, de cada mulher, é só liberar, já existe, não precisa criar, mas pra liberar eu passo por crenças, por bloqueios, por travas, por aceitação, por descoberta de mim mesmo e isso é incrível!!!

Essa jornada é incrível, a jornada deve ser mais importante que o resultado final e é lindo ver que o mesmo movimento vai se transformando à medida que me transformo.

Eu me transformei com a dança e essa busca não terminou e o mais incrível é que ela não termina.

Minha adolescência foi de introversão, me sentia feia a ponto de não conseguir me olhar no espelho. Dança? Nem pensar, não conseguia fazer esteticamente bonito nem os passinhos das baladinhas em família.
Lembro que o meu primo falava:

“VOCÊ DANÇA ESQUISITO”

, não esqueço da frase, mas não parei.

Lembro que fui numa festa com amigos e nela estava uma amiga que se mexia muito bem e eu com muita vergonha de mexer meu corpo ao som das músicas, até que outra amiga me disse: “você tem talento pra dança”, eu não lembro o que respondi, mas lembro o que pensei: ”eu? talento pra dança?”

Mas algo dentro de mim me impulsionou e fui, segui e hoje consigo me olhar muito bem no espelho, consigo me sentir bonita, gostosa e linda, os elogios dos outros são conseqüência e

de nada valem se eu não tiver o meu elogio interior,
Se eu não conseguir enxergar.

Minha Essência ou Opinião Alheia?

Isso tem muito a ver com o quanto me importo com a opinião do outro,

Pois quanto menos me importar, mais vou me arriscar,
mais vou me mostrar e mais belo meu movimento será

Essa energia de satisfação através do meu movimento será notório e os elogios certamente virão.

Além do meu desabrochar, fico muito feliz quando consigo extrair das mulheres o lindo movimento que há NELAS, meninas lindas, talentosas, que já dançam, já conhecem os movimentos, já sabem fazer, já se apropriam deles, mas ainda não conseguem LIBERAR seu charme, LIBERAR SUA ESSÊNCIA através do movimento que já executam e quando com uma ajudinha consigo fazer com que elas se liberem mostrando sua satisfação com um sorriso, esse é o meu maior pagamento.

TODAS podem e não tem preço se sentir bem, linda, capaz e poderosa, com esses sentimentos EU realizo qualquer coisa a que me proponha em qualquer área da minha vida e posso conseguir tudo isso através da DANÇA e do MOVIMENTO!

Verônica Coutinho
Formada em Educação Física pela Unisa / Pós graduada em Dança e Consciência Corporal pela FMU

Estudou dança em SP no Jaime Aroxa / Interacto / G10 / Carla Lazzazzera / Passos e Compassos / Clube Latino / Andrei Udiloff

Ganhe 1 Aula Grátis SaltarePowered by Rock Convert

Comentários